DGE   |   ERTE   |   CCTIC   |   ESE/IPS

 

  

  

EduScratch é um projeto que visa promover a utilização educativa do Scratch através do apoio, formação e partilha de experiências na comunidade educativa

Formação

Data: 12 de maio de 2012
Local do evento: Centro Multimédia do Instituto de Educação da Universidade do Minho, Braga, Portugal
Organização: Centro de Competência da Universidade do Minho em conjunto com o consórcio do projeto Manual Digital II

Contacto: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

A Segunda Jornada de Conteúdos Digitais para a Educação (JCDE 2012), a realizar a 12 de maio de

 

2012 na Universidade do Minho, proporcionará a necessária continuidade de dinamização, partilha e debate no âmbito das problemáticas dos conteúdos educacionais em suporte digital.

On this website you will find all information concerning the eTwinning Professional Development which will take place in Lisbon from Friday, 31 May 2012 to Sunday, 2 June 2012.

 

  

Dates: 31.05 (starting at 5 pm) – 02.06 (finishing at 2 pm)

Theme: Maths and ICT

Target: Primary teachers / students age 6-12

The working language will be English

Participants need to bring their laptop

Please contact your National Support Service if you want to participate in our PDW.

 

 

A convite do professor acompanhante Sílvio Madeira, realizou-se mais uma sessão prática de Scratch na ESE/IPS (17 de abril) no âmbito do PM II.

Estiveram presentes dezanove professores do 1.º ao 2.º ciclo, provenientes de 11 escolas da cidade de Setúbal. Reflexões já habituais nestas sessões, mas sempre importantes e renovadas com as novas experiências de muitos professores que têm frequentado as oficinas de formação. Muitas perguntas e algumas ideias indiciadoras de novidades no futuro. Aguardamos por elas.

 

 

 
 

Arrancou no dia 16 de abril a comunidade de prática "Scratch and ICT" para professores do projecto inGenius, do European Schoolnet.

Esta comunidade (que se concluirá no dia 29 e maio, após seis semanas de funcionamento) é moderada por Teresa Marques do CCTIC-ESE/IPS e espera-se que, no final, tenha sido possível motivar mais professores e escolas (Portugal e outros países da Europa) para utilizar a ferramenta Scratch em contexto educativo.

The aim of this Community is to:

 

 
 
  1. Know and understand the programming language Scratch - origin, fundamentals and educational strengths connecting and making curriculum meaningful, and promoting STEM
  2. Share resources, knowledge and ideas that lead teachers to learn and feel comfortable about taking this tool into their classrooms and mediate it’s use
  3. Motivate teachers to use Scratch in the classroom, or other educational contexts, in a enthusiastic regular basis connecting subjects and creating meaningful contexts/environments to use mathematics and other STEM contents
  4. Engage in active conversations/interrogations about Scratch and it’s role in promoting a better technologic fluency development at school, a more motivating and demanding environment for learning (changing students from almost only consumers into active and creative designers, builders and effective problem solvers).
Pela mão da professora Teodora Costa, lá fomos nós à Biblioteca Galopinices fazer uma sessão prática de Scratch. Como todas as sessões, esta foi intensa, densa e participada. Presentes sobretudo professores de 1.º ciclo e pré-escolar, uma professora de geografia e elementos da equipa da Biblioteca. Ainda mal dos despedimos e já a brotarem ideias de como utilizar a Biblioteca para preparar monitores que depois espalhem as sementes por colegas e até pelos professores da escola. A presença da D. Teresa (funcionária da

 

 
Biblioteca) foi de extrema importância. Interessada, entusiasmada, sabemos que que esta Teresa vai fazer o Scratch mexer nesta Biblioteca e... brevemente teremos notícias! Temos a certeza que, depois desta tarde bonita, na Galopinices vão acontecer muitas Scratchinices! :)

NOTA: no dia seguinte ao desta sessão, recebemos boas notícias sobre o uso do Scratch numa das escolas do Agrupamento. Ora vejam AQUI!

Fotos AQUI

Encontro promovido pela Associação de Professores de Matemática - "Matemática nos primeiros anos" (30/31 de março)

Quinze participantes (nove alunos da UTAD - mestrados pré, 1.º e 2.º ciclos) e seis professores de cinco escolas (quatro deles de educação especial). No final da sessão já ficaram definidos planos e ideias para implementar em contexto escolar com professores de educação especial. Trocámos contatos e tentaremos agendar os desejos de mais

 

formação. Desta vez contámos com a participação ativa (na dinamização, apoio e partilha de boas práticas em contexto) das professoras Helena Romano e  Paula Pinto ( EB1 n.º 7 de Setúbal), que têm já experiência de trabalho com o Scratch nas suas aulas. Mais uma missão concluída com sucesso!

Mais uma vez, Fernando Frederico (Avô Fred) foi semear Scratch para os lados do Feijó. Aqui ficam as suas deliciosas crónicas e algumas imagens.

"Com a participação entusiasta de cerca de 18 professores do Agrupamento de Romeu Correia, foi realizada na escola Secundária de Romeu Correia, no Feijó, mais uma sessão de Scratch, orientada desta vez para matérias suscetíveis de interessar a alunos do 1º Ciclo, como o uso do Editor de Desenho, como de costume, passou sem se dar conta, foi possível assistir

 

 
 
à génese de um projeto Scratch contando história da Lebre e da Tartaruga, que serviu de pretexto para o uso de comandos das galerias Controlo, Movimentos e Aparência,com pequenos apontamentos sobre a criação de sprites e a importação de sons e de imagens.Depois de um curto intervalo, foram divulgados os sites EduScratch com  as histórias deliciosas que os professores ali têm partilhado, e o  Sapo/Scratch para se conhecer como descarregar o programa, fazer o  registo, ler e deixar comentários e como devem publicar-se os projetos.  Na muito curta segunda parte, os professores iniciaram o desenvolvimento  de alguns projetos e colocaram dúvidas; mas a marcha do tempo não  permitiu que se fosse muito longe.Por isso, no meio do entusiasmo geral que a descoberta da animação de  um morcego e a captura de imagem pela WebCam provocaram, uma colega  perguntou quando era a próxima sessão porque gostaria de assistir a mais  demonstrações como esta. Enfim, foi muito bom!"

Fernando Frederico

Cumprida mais uma missão a convite do CCTIC EMS, também com a presença de elementos do CCTIC Softciências (Coimbra). Tivemos a ajuda da nossa Carolina Moutinho que partilhou a sua experiência coma professora do 1.º C Carla Ferreira e se disponibilizou para continuar a fazê-lo, através do portal EduScratch, junto de professores que desejem colocar questões sobre a implementação deste tipo de atividades em sala de aula do 1.º ciclo.

Mais um dia bonito, mais sementes espalhadas com desejo de que a ideia se continue a disseminar e mais experiências se juntem às que estão em desenvolvimento pelo país.

Fotos AQUI

 

 

 
 

 

O EduScratch vai dinamizar um workshop Scratch (Aprender programando) no encontro "Matemática nos primeiros anos — Pré, 1ºe 2º ciclos - XV Encontro Nacional de professores nos dias 30 e 31 de março de 2012

Departamento de Matemática (Edifício das Ciências Florestais) da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Vila Real

Mais informação AQUI.

Assumindo sempre, mas com mais veemência neste encontro, os primeiros anos como aqueles que se iniciam no pré‑escolar e se estendem até ao fim do 2º ciclo do ensino básico, o encontro pretende ser um ponto de encontro de todos os colegas para partilhar e refletir sobre a Matemática, enquanto temática nestes primeiros anos de escolaridade.

No seguimento dos dois dias do encontro, serão realizadas conferências plenárias, conferências temáticas e sessões práticas sobre vários assuntos e tópicos que, independentemente do tempo e do reino, motivarão os professores interessados em discutir, aprofundar e partilhar os seus saberes e experiências com os colegas: Geometria, sentido de número, OTD, Álgebra, jogos, cálculo mental, resolução de problemas, comunicação matemática, entre outros.

 

 

 

Concluiram-se no dia 17 de março as sessões presenciais da Oficina Scratch e matemática nos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico. A avaliação feita pelos 18 formandos foi muito positiva, mas muitos sugeriram maior espaçamento entre as duas últimas sessões, de modo a permitir aos professores  maior tempo de execução das atividades junto dos alunos, dadas as limitações impostas (sobretudo no terceiro ciclo) pelos testes intermédios e outras tarefas que retiram tempo às atividades letivas e à implementação deste tipo de ferramentas/abordagem

 
Continuar...

Pág. 10 de 17

Scratch offline

MIT

Versão 2.0 MIT

Versão 1.4 MIT

Sapo Scratch (v.1.4)

Windows

Mac

 

Tem um clube Scratch ou está a utilizar esta linguagem com os seus alunos?

Preencha o formulário para estar assinalado no mapa.

(Formulário)

Free business joomla templates